Pneu Best

Precisa trocar os pneus do carro? Fique atento a estas 8 dicas

Dicas Momento de trocar os pneus

Pensar além do preço. Essa é a dica que vale como pontapé inicial para quem já identificou que chegou a hora de trocar os pneus do carro.

Sabe por que ela é tão importante? É que o modelo correto de pneu proporciona economia de combustível e também dura mais. Esse cálculo lhe pareceu vantajoso? 

Então continue com a leitura e descubra outras 8 orientações para este momento que, a primeira vista pode parecer simples, mas é uma das decisões mais importantes que você precisa tomar de tempos em tempos para rodar seguro e tranquilo com o seu automóvel, garantindo também a segurança de todos que viajam com você.

1 Aprenda a descobrir quando trocar os pneus do carro

A resposta está nos seus pneus atuais. Você lembra qual era a quilometragem do carro quando efetuou a última troca? Cada fabricante determina um tempo estimado para a duração dos pneus, geralmente em torno de 60 mil quilômetros, dependendo das condições de uso e manutenção.

Não ter essa informação fresca na memória não é nenhum problema, pois, inevitavelmente, o pneu que precisa ser trocado deixará mensagens visíveis para comunicar o desgaste. É por isso que uma olhada nos pneus deve estar, pelo menos, na sua lista mensal de procedimentos com o carro.

Atenção: a profundidade dos sulcos não pode ser menor ou igual a 1,6 mm. Quando os pneus do seu veículo contam com o TWI (Tread Wear Indicator), fica fácil identificar quando os sulcos chegaram aos 1,6 mm. 

Caso não consiga visualizar a marca TWI, temos uma dica valiosa: faça uso de uma moeda de R$ 1,00 para verificar a banda de rodagem.

Basta colocar a moeda nos sulcos do pneu e ver se eles ultrapassam a parte dourada, ela tem exatamente 1,6 mm, que é o valor mínimo recomendado para que o pneu não seja considerado careca.

Nunca é demais lembrar que, além de comprometer a segurança, pneus carecas podem render uma multa de R$ 195,23 e 5 pontos na carteira.

2 Faça a leitura do pneu atual

De nada adianta trocar os pneus do carro se a sua escolha não for pelos itens certos. Para não errar você pode seguir dois caminhos:

1 – Consultar o manual do veículo

2 – Ir diretamente aos pneus atuais e fazer a leitura neles

Se quiser ir pela segunda opção, todas as orientações estão no artigo “Você sabe ler os pneus do seu carro?”. Mas, para não deixar você sem resposta aqui também, dá só uma olhada em todas as informações daquelas letras e números que você vê nas laterais dos pneus do seu veículo, elas não têm nada de aleatórias.

3 Conheça novas marcas

Já parou para pensar que uma marca conhecida não é garantia de que seus pneus vão durar mais? Um nome pode aumentar o custo e isso está bem longe de ser um benefício para o seu bolso.

É por isso que na loja online da PneuBest você encontra dezenas de opções, baseadas na qualidade, tudo para garantir um melhor custo benefício para a sua compra.

Você já ouviu falar, por exemplo, das marcas LingLong, Goodride, Sailun Tires, Apollo Tires ou Xbri?

Então certamente a sua próxima parada deve ser no artigo “5 Marcas de pneus que você precisa conhecer”.

4 Esqueça os pneus usados

Existem itens que podem tranquilamente ser comprados de segunda mão, pois continuam cumprindo perfeitamente sua função e ainda trazem o benefício da economia. Isso não vale para os pneus. 

A vida útil de um pneu usado já está comprometida, isso significa que você precisará efetuar uma nova troca muito antes do que imagina. É um exemplo legítimo do quanto o barato pode sair caro.

Além disso, você tem como saber por quantos anos e quilômetros esses pneus já foram utilizados? Aqui estamos falando também em segurança, já que o desgaste do uso anterior diminui a aderência da borracha ao solo, o que pode provocar derrapagens na pista.

5 Considere as condições em que vai trafegar

A escolha do pneu ideal também está atrelada ao tipo de solo em que você vai usá-los mais: asfalto ou estradas de terra, por exemplo.

Com base na observação do solo, existem quatro tipos de pneus e a escolha certa proporcionará frenagens seguras e mais estabilidade ao veículo.

6 Compre todos os pneus do mesmo modelo

Para aproveitar ao máximo o desempenho do seu veículo, use a mesma versão nas quatro rodas. 

Manter a mesma marca e modelo é importante pois há variações em elementos da composição de acordo com o fabricante e isso também pode comprometer o desempenho dos pneus em uma situação de risco.

7 Compre pneus pela internet

Conforme o estudo que já apresentamos aqui, realizado pela PNEX em 2018, os preços de pneus apresentaram uma variação de mais de 50% no mercado online.

Além de preços imbatíveis, em lojas online como a PneuBest você também encontra praticidade, comodidade e a segurança de poder confiar em quem está há mais de 16 anos no mercado.

8 Não descuide da manutenção

Essa é uma dica extra, para depois que você trocar os pneus do seu carro. Seguir todas essas orientações fará com que o item tenha o máximo de durabilidade:

  • Faça a calibragem correta a cada 15 dias, com as libras que você encontra indicadas no seu manual do proprietário e sempre com os pneus frios;
  • Não esqueça do alinhamento e balanceamento a cada 10 mil quilômetros;
  • Faça rodízio entre os pneus. Essa estratégia consiste em trocar os pneus que estão atrás pelos que estão na frente e vice-versa. Com ela você garante que todos os pneus tenham um desgaste igual, sem precisar trocar o jogo por completo.

Agora que você já entendeu que o melhor pneu para o seu carro é aquele que vai suportar a carga do veículo, amortecer, transmitir força de tração, atuar na frenagem, fazer você economizar combustível e que também já anotou todas as dicas para a melhor escolha é só visitar a loja online da PneuBest e colocar todos os novos conhecimentos em prática. Benefício extra: você fechará um negócio melhor do que é capaz de imaginar!